Pare de procurar um amor

… Mas não deixe de amar.

É bobagem achar que o amor não existe. É só parar um pouco para prestar atenção ao seu redor para perceber que o amor está em todo o lugar. Acontece que sob muitas quedas e desencontros, tendemos a discursar – tediosamente – sobre como somos uma frigideira (sem uma tampa).

Acontece que somos, sim, como uma frigideira. Digo, ela não tem tampa, pois é completa. Somos completos, não precisamos de complemento, apenas de uma adição. Para que duas pessoas completas possam curtir a vida juntos.

Mas pare de procurar. Seu amor vai chegar hora ou outra e precisa estar preparado para curtir a vida com ele. Para isso, é necessário que você – primeiro e inexoravelmente – se namore.

Como estará pronto para ter alguém, se não se sentir bem consigo?

Quanto mais procurar, maior será sua chance de erro. Sabe quando estamos querendo muito um objeto e acabamos por pegar o primeiro que nos aparece, terminando por nos arrependermos logo que nos deparamos com algo melhor na loja ao lado? Então, é claro que não somos objetos, mas a funcionalidade é quase a mesma. O que não significa que precisa estar fechado para um relacionamento, pelo contrário.

Me conselho é: se ame. Deixe-se levar. Viva com a calmaria de um idoso e a intensidade de uma criança. ❤


Sincero, eu espero,
Gui Morais.
22 anos, publicitário.
YouTube: Sincero, Eu Espero.
Facebook: Sincero, Eu Espero.

Instagram: mr.gmorais.
SnapChat: guimorais04.
Perfil

Anúncios

Desabafa

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s