“Precisamos Falar Sobre o Kevin”, mas será que temos estômago?

É preciso ter mais do que estômago para falar sobre este garoto.

É preciso ter um coração petrificado e um juízo muito bem alinhado. Kevin não é apenas um garoto, tampouco comum. Digamos que Kevin, é nada mais, nada menos, que Kevin.

we-need-to-talk-about-kevin

A obra literária (2003) tomou forma cinematográfica em 2011 e é até hoje uma referência de filmes que hão de perplexar quem os resolve assistir. O drama rendeu uma indicação de Melhor Atriz no Globo de Ouro (2012) para Tilda Swinton, o filme recebeu a indicação para Melhor Filme Britânico, Melhor Diretor (Lynne Hamsey) e Melhor Atriz (Tilda Swinton), todos pela BAFTA (2012) e dentre outros prêmios e indicações.

-mg-0803

Kevin (Ezra Miller) é um garoto visivelmente peculiar. E isto não significa que ele seja ruim, nem bom. O fato é que Kevin apresenta sinais de calculismo e frieza desde que ainda vestia fraudas. Quem arriscou em um possível psicopata, venha receber seu prêmio, parabéns, você está certo

gordinhos-pulando-comemoracao

A trama acompanha a desgraça crescente da vida decadente de Eva (Tilda Swinton), mãe de Kevin. Que, por sua vez, desfrutava de uma vida tranquila com seu amado marido, até engravidar e ter de lidar com uma criança que possuía uma complicada personalidade, da qual tirava em constância Eva de seu estado racional, ocasionando atritos entre o relacionamento maternal dos dois personagens.

texto1-thumb-600x398-44340

O que Eva não esperava, nem sua família – marido e filha – é que Kevin alimentaria uma personalidade dentro de si, que futuramente viria lhe causar problemas a ponto de colocar sua vida do avesso. Durona, a mãe vive um inferno com julgamentos e vinganças ensebadas pelo ódio natural das famílias que sofreram ‘feridas-Kevinianas‘.

Precisamos-Falar-Sobre-Kevin

[SPOILER/] Quem ler o livro, entrará em contato com o mistério logo no primeiro capítulo, contudo o filme alimenta este atentado que Kevin haveria causado até o fim – e isso é essencial para lhe enlouquecer ao decorrer do longa. Mas… não vou contar. [/SPOILER]

06

A façanha de Kevin determinará o futuro discutível de muitas pessoas e traçar um caminho infeliz para sua própria mãe. Contudo, para nós, Kevin trará em discussão vertentes sobre sofrimentos reais, contextos que parecem acontecer apenas em noticiários de telejornais, mas que naquele momento entrará em sua casa e fará você refletir não apenas nas vítimas, mas naquela que é culpada com ou sem razão e é fadada a levar isso para sempre em sua ficha social.

precisamos-falar-sobre-o-kevin-02

Eu li o livro. E, apesar do cinema ter feito uma leitura impecável, há de se levantar o fato de que o livro te faz refletir sobre as causas dos feitos e efeitos que Kevin se propõe a ocasionar. “O quanto ele foi influenciado?”, “Quanto há de dedo da mãe nisso?”, “Afinal, por quê o garoto faria/seria assim?”.

Nova adesão! ❤️ #precisamosfalarsobrekevin #livro #book

A post shared by Gui Morais (@mr.gmorais) on

“Precisamos Falar Sobre o Kevin” tem tudo o que gosto num filme: história, roteiro bom, fotografia impecável, bons atores, trilha bem delineada, toques psicodélicos, crítica e sarcasmo. Portanto, aqui vão minhas cinco xícaras bem atormentadas para o filme.


Sincero, eu espero,
Gui Morais.
22 anos, publicitário.
YouTube: Sincero, Eu Espero.
Facebook: Sincero, Eu Espero.

Instagram: mr.gmorais
SnapChat: guimorais04.
Perfil

Anúncios

Desabafa

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s